Varal de Cordéis Joseenses

Contato: prbarja@gmail.com

(Sugestões de temas são bem vindas!)



sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Palavrão tem hora certa

Palavrão não é arroz,
palavrão não é feijão...
Às vezes o palavrão
faz sentido; noutras, não
- "PQP" a todo instante
faz doer o ouvido, irmão!

Palavrão tem hora certa,
como tudo nessa vida:
sei que parece esquisito,
mas é sério! Alguém duvida?
Vou dar como exemplo agora
uma cena conhecida:

Sabe quando aquele craque
de futebol mais sublime
perde pênalti num jogo,
prejudicando seu time?
Ele solta um palavrão...
depois, joga e se redime!

Se você martela o dedo
ou se pisam no seu pé,
palavrão é curativo:
alivia a dor, até!
Mas, em outras circunstâncias,
evite, sabe como é?

Melhor ser mais educado,
conquistando a afeição
dos seus interlocutores
com elegância e razão:
até pra ter divergências,
é bom ter educação...

6 comentários:

  1. Concordo com tudo o que você escreveu, meu caro. Educação e cordialidade não faz mal a ninguém. Força sempre!

    ResponderExcluir
  2. To contigo Amor!!! Parabéns por transformar as adversidades em poesia!!! Só um diletante com sua elegância e talento faz isso com tanta maestria!!!! Beijos....

    ResponderExcluir
  3. É isso Maestro. Já te disse e repito: "quem sabe faz a hora...". bjs, Andréia

    ResponderExcluir
  4. Entrou como anônimo, pois não consigo postar de outro jeito rsrsrsrs! Mas tá valendo!! bjs, Andréia

    ResponderExcluir
  5. Agradeço a atenção
    e também a amizade:
    quanto mais o tempo passa,
    maior a felicidade
    de ter apoio de amigos
    no meio da adversidade!

    ResponderExcluir
  6. Meu querido Paulo, faço meu, o pensamento de São Gregório:
    Para mim, sábio não é aquele que proclama palavras de sabedoria, mas sim aquele que demonstra sabedoria em seus atos.

    Afeto e respeito confessados e as duas mãos estendidas para um abraço sincero

    Conte com a gente prasemprim!

    ResponderExcluir

Vídeos (seleção)

Loading...