Varal de Cordéis Joseenses

Contato: prbarja@gmail.com

(Sugestões de temas são bem vindas!)



domingo, 15 de maio de 2011

Poema sobre mote - Presente que se ganha do Poeta

(ao parceiro de letras e amigo Reginaldo Poeta, por tudo)

A Vida tem que ser mesmo louvada:
cantada em verso e prosa com vontade.
Eu venho aqui louvar essa amizade
que a cada dia sai mais reforçada.
Quem viu a multidão compenetrada
ouvir cada poema que aquecia
o sábado de maio, noite fria,
presenciou ali cena concreta:
Presente que se ganha do Poeta
é gesto poderoso de Poesia.

Não há disputa ou prova de talento:
os nossos versos (simples, sim!) se abraçam
e plantam um sorriso nos que passam
abertos à Poesia do momento.
Valorizando cada sentimento
qual fio que a Natureza mesmo fia,
traduzo em rima a essência desse dia
e o simples verso solto sai qual seta:
Presente que se ganha do Poeta
é gesto poderoso de Poesia.

Se a Vida é um jardim, seja florida!
Poesia é jeito novo de enxergar
as cores que já existem num lugar:
é isso que alimenta nossa lida.
Poesia é para ser distribuída
e nunca é tarde, em nosso dia-a-dia,
pra celebrar o afeto que anuncia
felicidade à frente, em linha reta:
Presente que se ganha do Poeta
é gesto poderoso de Poesia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vídeos (seleção)

Loading...