Varal de Cordéis Joseenses

Contato: prbarja@gmail.com

(Sugestões de temas são bem vindas!)



quarta-feira, 23 de julho de 2014

Suassuna foi pro céu (sextilhas de Paulo Barja)


Neste 23 de julho,
Suassuna foi pro céu.
A Compadecida, ao vê-lo,
fez o maior escarcéu:
"Eis que chega mais um cabra
  que sempre amou bom cordel!"

"Amei cordel e soneto; 
 mais que tudo, amei meu povo
 e o sertão que me inspirou
 a fazer teatro novo;
 com a força Armorial 
 até hoje me comovo."

"Chego bem, venho tranquilo,
 não pedi nenhum socorro.
 Testamento do escritor
 não é como o do cachorro:
 sei que as minhas obras ficam
 mesmo bem depois que morro." 

O sertão fica mais pobre,
mas o céu fica mais rico:
Ariano Suassuna,
nas asas de um tico-tico,
foi visitar Rubem Alves
e acabou dizendo: eu fico.

Juntos viram João Ubaldo
e outro Poeta querido.
Essa feira literária
vem causar grande alarido:
com escritor de primeira
eis que o céu tá bem servido!

Estou certo de que o céu
nem se abrisse um edital
conseguiria uma equipe
de tanta força e astral
para compor a mais nova
redação celestial.

Com esse rol de escritores
de talento extraordinário,
o Brasil, em verso e prosa,
enriquece o relicário,
tornando assim nosso céu
cada vez mais literário.
(Paulo Roxo Barja)

2 comentários:

  1. IMAGINE QUE SARAU MARAVILHOSOS ELES TRES MARCARAM NO CÉU!!!

    ResponderExcluir
  2. IMAGINE QUE BELO SARAU ELES TRES VÃO FAZER NO CÉU!!! DEUS DEVIA ESTAR CARECIDO DE UM BOM CONTADOR DE HISTÓRIAS NO FIM DA TARDE RSSSS.

    ResponderExcluir

Vídeos (seleção)

Loading...