Varal de Cordéis Joseenses

Contato: prbarja@gmail.com

(Sugestões de temas são bem vindas!)



segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Não dá pra gente aceitar aquilo que está errado (décimas sobre o mote)


Exercer cidadania
é estar sempre consciente
do papel que tem a gente
pra mudar o dia-a-dia.
Pra que ocorra melhoria,
não dá pra ficar sentado
no sofá vendo, calado,
a injustiça prosperar:
não dá pra gente aceitar
aquilo que está errado!

Quando a imprensa alardeia
denúncias sem qualquer prova,
isso é justiça? Uma ova!
E aí, quem vai pra cadeia?
A gente nunca cerceia
a palavra do acusado;
só quando estiver provado
é que vamos condenar:
não dá pra gente aceitar
aquilo que está errado!

Procurando distração,
vou com a filha ao cinema
mas o shopping tem problema
e se cancela a sessão.
“Não vai ter cinema?” “Não!”
Mas pelo carro parado
eu sou, mesmo assim, cobrado:
“Pra sair, tem que pagar!”
Não dá pra gente aceitar
aquilo que está errado!

A polícia eu chamo então
e registro a ocorrência
pra que se tenha ciência
da triste situação;
desrespeito ao cidadão
me deixa bem chateado...
para a filha, com cuidado,
eu me ponho a explicar:
não dá pra gente aceitar
aquilo que está errado!

Coisa que eu acho um perigo
é político matreiro
com discurso eleitoreiro
(quando escuto, logo brigo):
“O Cine-Teatro antigo
será logo reformado...”
Por que deixaram fechado?
Foi só pra sucatear?
Não dá pra gente aceitar
aquilo que está errado!

Penso assim: se toda a gente
passar a exigir respeito,
aos poucos, o seu direito
será encarado de frente.
Quanto mais for consciente
do que deve ser mudado,
mais o povo inconformado
poderá fazer mudar:
não dá pra gente aceitar
aquilo que está errado!

4 comentários:

Vídeos (seleção)

Loading...